Full width home advertisement

Post Page Advertisement [Top]

[Esta Creepy é destinada para maiores de 18 anos, por conter violência e abuso sexual.
Leia por sua conta e risco]


Mary é uma moça de 18 anos, alta, com curvas maravilhosas. Hoje é sua primeira vez em um bar local, ela quer curtir sua despedida do ensino médio.

Mary se senta em uma mesa com mais cinco amigos. Mary está deslumbrante em seu vestido vermelho com decote profundo em V e seus cabelos Loiros caindo em ondas por seus seios fartos.

No meio da diversão e conversas alegres, a atenção de Mary é completamente atraída pelo rapaz que acaba de entrar. Um rapaz alto de olhos verdes que usava roupas roxas.

O rapaz a nota e em alguns minutos eles estão conversando afastados do restante dos amigos de Mary. Ele fala sedutoramente com ela. Mary não consegue desviar o olhar dos lábios rosados e carnudos do rapaz.

Conversas alegres surgem entre os dois, até que o rapaz puxa Mary para um beijo ardente, o rapaz mordisca a orelha de Mary e ela coloca dois dedos no cós de sua calça jeans.

Nesta mesma noite os dois se encontram no quarto do rapaz, que coincidentemente morava a quatro ruas do bar.

Eles se beijaram e começam a tirar as roupas, o rapaz leva Mary para sua cama e ali ele a toca em todas as partes de seu belo corpo. Até que ele a penetra.

Ele segura seus seios e os aperta, aperta, aperta. Os seios de Mary começam a se rasgar e ela parece não perceber. Ele morde as aureolas dos seios de Mary, arrancando-as por completo, sangue mancha os lençóis verdes claros.

Mary Nunca havia gritado, mas esta noite, ela gritou quando ele a penetrou tão forte que sangue jorrou da entrada do seu sexo, e o segundo grito veio quando ela percebeu que havia uma adaga cravada no meio do que restou de seus seios.

Escrito por: Camila Cruz

Um comentário:

Bottom Ad [Post Page]